Os números da pesquisa Ipespe publicados hoje renovam o entusiasmo do bolsonarismo com a tendência de crescimento, ainda que tímido, dos números de

intenção de votos do presidente. Mas a análise do conjunto da pesquisa mostra que Bolsonaro está próximo do seu teto e que nos próximos dias o entusiasmo virará desespero.

Destaco alguns tópicas da pesquisa. 

Dos dados podemos extrair que as intenções de votos de Lula vão se consolidando, assim como a rejeição de Bolsonaro, nessa pesquisa apurada de uma forma mais direta: “não votaria de jeito nenhum”.

Considerando os números da pesquisa e o fato de que o governo vai esgotando a sua capacidade de produzir demagogias fiscais e os efeitos das já produzidas já tiveram tempo de manifestação nas intenções de voto, Bolsonaro está muito perto do seu teto e esse crescimento tende a estancar nos próximos dias.

Assim, o que é entusiasmo hoje deve virar desespero nos próximos dias com consequências perigosas para a questão fiscal e democrática posto que Bolsonaro já deixou claro em várias manifestações que não tem limites e nem pudor para manter seu projeto autoritário de poder.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.